Delmasso quer combater a discriminação e o racismo

Segundo nossa constituição, todos somos iguais. Mas esse não é o entendimento de todos os brasileiros

Resultado de imagem para delmasso
Há quem tenha o pensamento e atitudes dominadas pelo preconceito e a discriminação, e embora esse comportamento seja crime, são práticas recorrentes na nossa sociedade.

Apesar de nossa população ser miscigenada e rica em culturas, o preconceito e a discriminação ainda predominam. Pensando nisso, o deputado Delmasso (Podemos) criou o projeto de lei 1432/2017, que obriga a fixação de faixa publicitária de combate ao crime de discriminação e racismo, em todos os eventos desportivos do Distrito Federal.

A faixa com os dizeres: “Todos somos iguais. Discriminação e racismo é crime. Denuncie”, e as penalidades previstas, também terão que ficar em local visível a todos. A fixação da faixa será de responsabilidade da organização do evento.

“A fixação destas faixas é importante para combater o preconceito, para bem educar a população e lembrá-las que tais atitudes ferem o direito do ser humano”, disse o Delmasso.

Lembrando que o preconceito ou discriminação acontece quando há distinção, exclusão, restrição ou privilégio por causa de raça, cor, etnia, religião, descendência, aparência física, condição social ou cultural de um indivíduo, ou grupo de pessoas.
Compartilhar

About Paulo Melo

0 comentários:

Postar um comentário