Neste Dia dos Pais, celebrado no próximo dia 9/8, o alerta é para que eles se cuidem melhor

 

Dados do Ministério da Saúde e do IBGE apontam que cerca de 68% dos óbitos entre pessoas de 20 a 59 anos são do sexo masculino. Doenças cardiovasculares, ao lado de câncer e diabetes, estão entre as principais causas de morte nessa idade. As principais enfermidades que acometem o coração dos homens a partir dos 40 anos estão intimamente ligadas aos maus hábitos. São elas: doença aterosclerótica do coração e hipertensão arterial. Neste Dia dos Pais, celebrado no próximo dia 9/8, o alerta é para que eles se cuidem melhor.

 

“A maior prevalência dessas doenças no sexo masculino pode ser atribuída, em parte, a maus hábitos. Homens tendem a fumar mais, a ingerir maior quantidade de bebidas alcoólicas e a fazer menos atividade física”, pondera a cardiologista do Hospital Brasília Layla Benevides.

 

De acordo com a médica, a doença aterosclerótica do coração consiste em acúmulo de gordura que forma placas nos vasos que irrigam o coração, causando obstruções que podem levar à dor (angina) ou isquemia (infarto). Os sintomas mais sérios podem levar um certo tempo para se manifestar, fazendo com que os homens adiem a busca por ajuda profissional.

 

Alguns dos principais sinais são: falta de ar; queda da performance em atividade física; fadiga; palpitações; dor ou desconforto no peito; tontura ou desmaio; e confusão mental.

 

Layla Benevides ainda aponta que o consumo de sal, bebidas alcoólicas e alimentos gordurosos estão diretamente ligados ao desenvolvimento de doenças como hipertensão (pressão alta), colesterol alto, diabetes, obesidade e estresse. “Muitos homens, além de não seguir uma rotina alimentar adequada, também estão mais propensos a um grande fator de risco para doenças do coração: o sedentarismo. Também vale lembrar que com 40 anos ou mais, já é preciso realizar uma visita anual ao cardiologista. É importante fazer com que esses homens incluam o autocuidado em sua rotina”, finaliza.

 

Consumir alimentos mais nutritivos e praticar algum esporte garante mais qualidade de vida aos papais. Vale de tudo, desde caminhar uma hora por dia, até uma partida de basquete com as crianças. O que importa é dar o primeiro passo rumo a uma vida saudável e assim prevenir doenças do coração. Consulte seu médico de confiança e um profissional de educação física. Eles são as pessoas mais indicadas para avaliar sua condição física, indicar atividades e, se necessário, tratar possíveis alterações.




Compartilhar:

Juliana Oliveira

Comente:

0 comentários

Boazinhas