Com o distanciamento social imposto pela pandemia, tecnologia impulsionou vendas e criou oportunidades para vendedores e compradores 

 

 

A tendência de aumento nos negócios virtuais é uma realidade comprovada. De acordo com o Google, o volume de pesquisas por imóveis, cresceu 39% em agosto do ano passado. Dados do buscador mostram um crescimento considerável nas buscas por imobiliárias (+33,2%), classificados (+30,2%) e incorporadoras (+23,7%). 

 

 

Com o distanciamento social imposto pela pandemia, as alternativas tecnológicas auxiliaram aqueles interessados na compra e venda de imóveis. Uso de realidade aumentada nos estandes de vendas, registro online de contratos e uma série de novas soluções desenvolvidas, e agora perpetuadas, trouxeram novo ânimo e perspectivas para as construtoras e incorporadoras. 

 

 

Um dos aplicativos mais populares do mundo, o Tik Tok se destaca por ser uma rede social com vídeos curtos, em que o usuário pode escolher em um banco de dados, músicas e efeitos visuais ou sonoros. Popularizado aqui no Brasil com as dancinhas e vídeos engraçados, a rede social está sendo um grande suporte nos negócios de outro ramo: o mercado imobiliário. 

 

 

O empresário e influenciador digital, Ricardo Martins, começou a utilizar o Tik Tok nos negócios em abril do ano passado. Com mais de 1,6 milhão de seguidores, ele faz a exposição de imóveis disponíveis para a venda de um jeito diferente, chama o seu público por “darling ou dear” (que significa querida ou querido, em inglês), e procura se aproximar cada vez mais da audiência. Além de vídeos engraçados, mostrando os desafios, ou motivacionais.  

 

 

Ele explica que sempre que posta algum imóvel, recebe mensagens de pessoas interessadas em comprar e revela que já fechou negócios que tiveram início a partir dos seus vídeos. “Nas redes sociais, comecei no Youtube. Não era comum aqui no Brasil utilizar os vídeos para imóveis, mas no exterior já era. Busquei referência em Miami, vi que os corretores já faziam isso, o uso de vídeos para os negócios, e aí comecei no Tik Tok em abril do ano passado, e sinceramente, foi uma plataforma em que eu me encontrei”. 

 

 

Reality Show do mercado imobiliário 

 

 

Com o mercado cada vez mais aquecido e as condições favorecendo quem quer comprar e vender imóveis, Ricardo Martins, comandou um projeto inédito: um reality show com foco no setor imobiliário. O “Desafio Corretor de Elite”, criado pela Rocket Lançamentos Digitais, foi gravado em Goiânia e exibido no Youtube. O programa já conta com cerca de 100 mil visualizações.  

 

 

O reality mostrou que qualquer profissional pode se tornar um corretor de imóveis de alta performance, basta se preparar para isso. Participaram quatro pessoas de diferentes mercados, que estão começando do zero, para se arriscar numa profissão que promete altas comissões. 

 

 

Davi Assunção foi o grande vencedor do reality, sendo premiado com um Iphone 12 Pro Max. Nascido no Rio de Janeiro, 30 anos, casado, ele mudou-se para Goiânia há seis anos quando conheceu sua esposa. É formado em Edificações e trabalha como motorista por aplicativo para manter a família. Idealizador e por crer na possibilidade de proporcionar à esposa uma vida melhor, realizar o sonho da casa própria, decidiu ser corretor de imóveis.  

 

 

“Agradeço primeiramente a Deus e também por ter entrado nesse time especial demais. No reality, foi muito importante quando eu entendi que o corretor não vende imóveis, ele vende a própria imagem, isso que o curso ensinou e pra mim participar desse projeto é um presente, uma honra”, explicou.  

 

 

Carla Bueno, foi escolhida pela audiência e foi premiada com um kit para gravação de vídeo profissional. Chapecoense, 34 anos, casada, mãe de 4 filhos. Formada em Capelania, já foi empresária do ramo de festas de infantis. Mudou com o esposo e os filhos para Goiânia há cinco meses, para alcançar a prosperidade e conforto para a sua família. Atualmente vende espetinhos na porta da igreja.  

Compartilhar:

Pâmella Cardoso

Comente:

0 comentários

Boazinhas