As coletivas virtuais da ABBP estão de volta. Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno, retoma o projeto de entrevistas coletivas com transmissão simultânea nas fanpages dos sites e portais de notícias dos seus afiliados


O nosso primeiro entrevistado foi o vice-governador do DF, Paco Britto (Avante), que lembrou feitos importantes para o Distrito Federal, como o Cartão Gás e o Cartão Material Escolar, dos quais diz se orgulhar muito, por dar dignidade para pessoas de baixa renda, afirmou  ainda que as obras que estão sendo efetuadas no governos de Ibaneis Rocha e de  coragem e determinação, como os mais de 15 viadutos que já estão licitados e a vir a ser licitados



De acordo com o Paco Britto, no momento, o mais importante para o GDF é preservar vidas devido à crise sanitária causada pelo novo coronavírus. "Não é hora de se falar em eleições do ano que vem".

O vice governador Paco Britto, e atual presidente do (Avante) Brasília, afirmou "O mais importante para o GDF no momento é preservar vidas, nós estamos no meio de uma pandemia e não é a hora de se falar em eleições do ano que vem".

Paco Britto relatou que os partidos políticos já começaram a se movimentar nos bastidores da politica do Distrito Federal e esqueceram de milhares de pessoas que perderam suas vidas com o serviço publico de saúde colapsado.

Paco Brito destacou que o governo do Distrito Federal tem feito ações muito importantes no combate a pandemia e, ao mesmo tempo, ações direcionadas a recuperação econômica que salvam empresas.

O vice governador disse ainda que tem afinidade, lealdade, respeito e uma amizade muito grande a Ibaneis Rocha e que trabalha em conjunto, na mesma linha do governador.

Para cuidar do povo do Entorno do Distrito Federal, apesar das dificuldades de diálogo com o governador de Goiás, Rocando Caiado (DEM), o GDF, por determinação do governador Ibaneis Rocha (MDB), liberou a operação dos ônibus dos municípios do Entorno no corredor exclusivo do BRT Sul, que foi implantada após realização de estudos de capacidade da via, onde não existem cruzamentos, semáforos e interferências dos demais veículos, permitindo uma maior circulação dos coletivos e diminuindo o tempo de passageiros no trânsito.

Além disso, o tráfego dessas linhas não sobrecarrega as estações do BRT, uma vez que esses veículos trafegam pelo corredor exclusivo apenas como via expressa por não serem dotados de portas de ambos os lados.

" Os passageiros de ônibus dos municípios goianos de Valparaíso, Cidade Ocidental, Novo Gama e Luziânia que se deslocam diariamente para o Distrito Federal passam a contar com viagens mais rápidas e confortáveis com os onibus dessas regiões no BRT Sul, é uma ação para incentivar o uso dos serviços de transporte público, como forma de melhorar a qualidade da prestação do serviço para a população da área metropolitana do DF e reduzir o tempo de viagem desse povo querido", comentou Paco Britto.

O GDF também faz a gestão do transporte semiurbano de passageiros, que liga Brasília e as Regiões Administrativas do DF aos municípios goianos do Entorno, passa a ser do Governo do Distrito Federal. A Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) fará o planejamento das linhas e dará início à elaboração do novo Plano de Outorgas. Até que ocorra a nova licitação, as linhas e horários de ônibus permanecem os mesmos, bem como o transporte realizado pelas atuais empresas autorizadas.

A gestão do transporte semiurbano ao GDF é uma delegação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O sistema conta com sete operadoras que atuam nas 396 linhas de ônibus entre o DF e as cidades de Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Formosa, Girassol, Luziânia, Mansões Marajó (Cristalina), Monte Alto (Padre Bernardo), Novo Gama, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso.
Compartilhar:

Paulo Melo

Comente:

0 comentários

Boazinhas